top of page
Buscar
  • Foto do escritorJean Lucas

Voz vs Álcool

Essa é uma questão frequentemente levantada nas aulas de canto: -Bebida alcoólica faz mal pra voz? -Posso beber e cantar? -Ah prof, eu uso pra "esquentar a voz"

As bebidas destiladas (uísque, vodca, conhaque) irritam e agridem mais intensamente os tecidos, sendo piores para a saúde vocal. Principalmente quando associadas às fermentadas (cerveja, vinho).


Os danos causados variam de acordo com a quantidade ingerida, mas também existem outros fatores determinantes na gravidade, como características individuais, genéticas, familiares, ambientais e outros.


Alguns cantores costumam gargarejar com bebidas alcoólicas para "esquentar " a voz ou aliviar por exemplo uma dor de garganta. O efeito na boca e na faringe é de uma anestesia temporária, com isso, o esforço para cantar é momentaneamente despercebido.


Porém, passando o efeito do álcool, pode ser maior a irritação no aparelho fonador e uma piora na qualidade vocal, além disso, o álcool produz desidratação e coloca as pregas vocais em risco de lesão!


Vale a pena o risco?

Fonte: "Higiene vocal" (Mara Behlau / Paulo Pontes / Felipe Moreti)

434 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page